GOVERNO DA BAHIA

Fibrolink Telecom

Fibrolink Telecom

GOVERNO DA BAHIA

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Medina e Mineirinho caem na terceira fase do surfe no Havaí; Filipinho avança

Medina e Mineirinho caem na terceira fase do surfe no Havaí; Filipinho avança

A terceira fase da etapa do Havaí da Liga Mundial de Surfe, em Pipeline, não foi boa para o Brasil. No domingo (18), sete representantes do país deixaram a disputa, incluindo os campeões mundiais Gabriel Medina e Adriano de Souza, o Mineirinho. Filipe Toledo, o Filipinho, foi o único a avançar para a quarta fase.

Campeão mundial em 2015, Mineirinho era um dos favoritos a faturar a etapa no Havaí, mas foi eliminado no domingo. Ele até passou pela repescagem ao vencer o local Bruce Irons, por 14,67 a 11,30, mas não resistiu ao norte-americano Nat Young na sequência, caindo por 8 a 3,34.

Situação semelhante viveu Medina. Campeão mundial em 2014, o brasileiro se classificou de forma direta para a terceira fase, mas não fez frente ao australiano Ryan Callinan, caindo por 15,34 a 11,43.

O domingo, aliás, foi decisivo para o futuro do Brasil na disputa no Havaí. Além de Medina e Mineirinho, Wiggolly Dantas, Ítalo Ferreira, Miguel Pupo, Jadson André e Caio Ibelli, sendo os dois últimos ainda na repescagem, perderam e foram eliminados.

O único a avançar para a quarta fase foi Filipinho. Para isso, no entanto, ele precisou eliminar o compatriota Wiggolly Dantas, que havia vencido o australiano Davey Cathels na repescagem. Sem maiores dificuldades, Filipinho derrotou o colega por 10,44 a 4,13.

O Brasil ainda possui um competidor na terceira fase, que deverá ser retomada nesta tarde de segunda-feira (horário de Brasília) no Havaí. Alex Ribeiro terá pela frente o sul-africano Jordy Smith. Se vencer, ele entrará na bateria com os norte-americanos Kanoa Igarashi e Kelly Slater na quarta fase. Já Filipinho encarará o norte-americano Kolohe Andino e o francês Jeremy Flores.

Fonte:bahianoticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário