sexta-feira, 25 de novembro de 2016

FBF divulga arbitragens dos jogos de ida das semis final do Intermunicipal

 

No próximo domingo (27), a maior competição de futebol amador do país entra na sua penúltima fase. A bola rolará pela rodada de ida da semifinal do Intermunicipal 2016.

Os primeiros confrontos entre Camamú e Itabela e Santaluz e Itaberaba serão realizados às 15h. Nesta quinta-feira (24), a Federação Bahiana de Futebol (FBF) divulgou a escala de arbitragem para os jogos.
Para o primeiro duelo entre Camamú e Itabela foi escalado o árbitro central Cleuber Silva Santos, de Ilhéus e do quadro da entidade. Já para Santaluz x Itaberaba foi escalado o experiente Marielson Alves Silva, aspirante à FIFA de Vitória da Conquista.

O Presidente da Comissão Estadual de Árbitros de Futebol da Bahia (CEAF/BA), Wilson Paim, solicita aos Srs. árbitros escalados que, ao tomarem conhecimento das suas escalas, imediatamente comuniquem-se com a FBF, através do telefone (71) 3321-0448 e/ou e-mail (fbf@fbf.org.br) para confirmar presença.
 
Confira a escala completa abaixo:

Escala

Fonte:fbf 

intermunicipal terá campeão inédito em 2016

 
Seleção de Itabela (Foto: Boca Polêmica no Esporte)

Vencer a maior competição de futebol amador do país não é tarefa fácil. São disputas acirradas a cada ano que engrandecem cada vez mais o Intermunicipal, campeonato que já é destaque não só na Bahia, mas também na imprensa nacional.

Desde a primeira edição, são 25 campeãs. Algumas delas tiveram o privilégio de repetir as conquistas. Outras, porém, experimentaram uma única vez o sabor de levantar uma das taças mais cobiçadas do futebol baiano.

Mas, há ainda aquelas Seleções que nunca ouviram o famoso grito de "é campeão" proferido por seus torcedores. São os casos das candidatas ao título da edição 2016.

Por isso, o Intermunicipal 2016 já entrou para a história. Seleções que buscam incansavelmente o título se prepararam para chegar à penúltima fase como postulantes ao título inédito.

Itabela, Itaberaba, Santaluz e Camamú vão à busca do primeiro título. Destas, Santaluz foi a que chegou mais perto, ao disputar as finais de 2011 e 2014. Mas, naqueles anos, perdeu as decisões para São Francisco do Conde e Cachoeira, respectivamente.

Já Itaberaba, Itabela e Camamú nunca chegaram a uma final. Agora, na semifinal do Intermunicipal 2016, ambas têm a chance de escrever um novo capítulo nas suas história
s.
 
Seleção de Itaberaba 
(Foto: Geovan Santos/Ligeirinho no Esporte)
 
As disputas prometem muita emoção, já que todas elas ostentam campanhas de destaque até aqui. A primeira colocada na classificação geral e detentora das melhores estatísticas é Itabela. Até aqui, em 14 jogos disputados, os itabelenses venceram todos. Marcaram 44 gols e sofreram apenas cinco, o que lhes garantiu um saldo positivo de 39 gols. O aproveitamento é de invejáveis 100%. Para completar, ainda lideram a corrida pela artilharia com dois de seus destaques. Elvis é o líder isolado com 17 gols marcados e seguido por seu companheiro Kaká, que balançou as redes 12 vezes.

Os números de Itabela são semelhantes aos de Itaberaba, que também tem brilhado desde o início da competição Os itaberabenses também venceram todas as suas 14 partidas. Marcaram apenas um gol a menos (43) e sofreram um gol a mais (6) que Itabela. O saldo de gols é de 37 positivos, mas o aproveitamento também atinge os 100%. Entre os candidatos a artilheiros, Itaberaba também tem o seu, Rone Serrinha, que está empatado com Kaká com 12 gols marcados.

 
Seleção de Santaluz (Foto: Supapo Esporte)
 
Na sequência vem Santaluz, com a terceira melhor campanha. Perdeu apenas uma partida, empatou duas e venceu as outras 11. Com 33 gols marcados e seis sofridos, construiu até aqui um saldo positivo de 27 gols com um aproveitamento de 83,3%.

Já Camamú aparece com a campanha mais modesta, mas também de destaque e números que a colocam como candidata forte ao título. Foram duas derrotas, dois empates quase que inexpressíveis junto aos dez triunfos. O saldo de 15 gols veio dos 25 marcados e dez sofridos. O aproveitamento é de 76,1%.

No próximo domingo (27), elas estarão frente a frente. A melhor colocada, Itabela, disputa uma vaga na final com Camamú. Já Itaberaba e Santaluz duelam pela segunda vaga. Os confrontos de ida serão iniciados às 15h, em Camamú e Santaluz.

 
Seleção de Camamú (Foto: Camamu Notícias) 

 Já as decisões da semifinal acontecerão no dia 4 de dezembro, com mandos de campo invertidos e jogos realizados nas cidades de Itabela e Itaberaba. Ao torcedor, resta ficar ligado e não perder um detalhe sequer estas duas batalhas que, certamente, serão memoráveis.
 
CLIQUE AQUI E CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO GERAL E ESTATÍSTICA DO INTERMUNICIPAL 2016

Fonte:fbf 


Bahia, Vitória, Vitória da Conquista e Atlético representam estado na Copa SP

 

O futebol baiano estará representado por quatro forças na mais importante competição Sub-20 do país. Mais uma vez, a Federação Bahiana de Futebol, através da luta do presidente Ednaldo Rodrigues e do bom relacionamento com a Federação Paulista de Futebol conseguiu quatro vagas para o estado na Copa São Paulo de Futebol Junior.

A edição 2017 da Copinha terá Bahia e Vitória, representantes da Capital, e Vitória da Conquista e Atlético de Alagoinhas, representantes do Interior. As quatro agremiações levaram o nome e o prestígio do futebol baiano os holofotes do futebol de base brasileiro.

Nesta quinta-feira (24), os clubes conheceram seus adversários na 1ª fase da competição. A FPF divulgou os grupos do torneio, que será realizado entre 2 de 25 de janeiro, no estado de São Paulo.

O Atlético ficará no Grupo 5, sediado em Marília, e terá como adversários o Marília (SP), América (MG) e Ponte Preta. O Conquista ficará no Grupo 11, na cidade de Jundiaí, onde enfrentará o Paulista (SP), Joinville e o Red Bull (SP).

O Vitória fará parte do Grupo 12, sediado em Atibaia, e com as participações de Atlético (GO), Atibaia (SP) e ABC. Já o Bahia ficará no Grupo 21, em São Bernardo do Campo, com Trindade (GO), São Bernardo (SP) e Fast Clube (AM).

A FPF também anunciou novidades para a 48ª edição da Copa São Paulo. Será a maior edição da história, com 120 clubes, divididos em 30 grupos de quatro equipes cada. Já em relação aos critérios técnicos, a novidade fica por conta do número de substituições. Cada treinador poderá fazer até seis alterações nas equipes durante uma partida, mas estas devem ocorrer em no máximo três paradas.

A Federação Bahiana de Futebol (FBF) deseja sucesso a Bahia, Vitória, Vitória da Conquista e Atlético de Alagoinha. A entidade tem a certeza de que os quatro filiados representaram com muita qualidade e dedicação o nome do futebol baiano em uma das mais importantes competições de futebol de base do Brasil.

Confira abaixo os grupos dos baianos:

 

Fonte:fbf 

Com Kieza em campo, Argel comanda treinamento para aumentar o poder de finalização do time rubro-negro

 

O Vitória prosseguiu nesta quinta-feira (24) com os preparativos para mais um jogo decisivo, segunda-feira (28), contra o Coritiba, às 20h de Brasília (19h em Salvador) pela penúltima rodada do Brasileiro da Série A.
 
Desta feita, o técnico Argel Fucks pôde contar com o atacante Kieza, que na véspera teve uma indisposição e foi poupado. O lateral Diogo Mateus foi quem não treinou porque estava febril e indisposto.
 
Afora o aquecimento com o preparador físico Reverson Pimentel, os jogadores inicialmente participaram de um treino de ataque contra defesa. Primeiro, três atacando e dois defendendo, e depois quatro atacando e três na defesa.
 
Por fim, Argel formou três time cada com nove jogadores e organizou um treinou com três traves. Enquanto dois times se enfrentavam, o outro treinava finalização com Argel.
 
O time volta a treinar nesta sexta-feira (25) à tarde no CT Manoel Pontes Tanajura.
 
Quem esteve no clube na tarde desta quinta foi o volante José Welison, operado segunda-feira da fratura na clavícula esquerda. O jogador iniciará a fisioterapia nos próximos dias.
 
Imprensa
O treinamento desta sexta-feira não será liberado para a Imprensa.

Irresistível, Universo/Vitória derrota o Vasco em São Januário por 70 a 60 e emplaca a quinta vitória seguida no NBB

 

Nem o céu é o limite. O time de basquete tá seguindo à risca o lema que adotou para si nesta temporada.

Na noite desta quinta-feira, o Leão venceu a quinta partida em cincos jogos disputados no NBB. Nem o Vasco, em São Januário, foi páreo para a equipe treinada por Régis Marrelli, que fez 70 a 60 e manteve a liderança do certame.

O Universo/Vitória assumiu a ponta do placar logo no início do segundo quarto e não largou mais. Com uma forte defesa e rápidos contra-ataques, a equipe não deu chances ao Vasco, ampliou ainda mais sua vantagem e garantiu o ótimo triunfo como visitante com folga no fim.

O trio norte-americano do Universo/Vitória fez a diferença. Chris Hayes foi o cestinha do jogo, com 17 pontos, seguido de Key e Kenny Dawkins, com 14 e 13 pontos, respectivamente.
Vitória: Dawkins (13), Mariano (2), Kurtz (4), André (5) e Hayes (17). Reservas: Renato (3), Braga (2), Coimbra (8), Murilo (2) e Key (14). Técnico: Régis Marrelli.
O time baiano volta à quadra no dia 30 de novembro, às 19h15, contra o estreante Campo Mourão (PR). O Leão volta a jogar em Salvador no dia 15 de dezembro, contra Bauru, em Cajazeiras.

Sem pensar no empate, Guto garante jogar para vencer o Atlético