CÂMARA DE VEREADORES DE CAIRU

sábado, 21 de julho de 2012

Vitória vence o Atlético-PR fora de casa!

Atlético-PR e Vitória fizeram hoje à tarde o pior primeiro tempo dos últimos tempos em que tive a infelicidade de assistir. Passes errados de lado a lado, jogo paralisado por falta a cada 30 segundo de jogo, jogadas truncadas, nenhum lance importante e apenas uma bola arremessada em direção do gol, ainda assim, sem qualquer perigo as metas defendidas pelos goleiros Gustavo e Weverton, transformando em perda de tempo os seis minutos de acréscimo aplicado pelo árbitro Wilson Luiz Seneme, talvez tentando combater o sono profundo que o confronto entre os rubro-negros e um dos clássicos da Série B, oferecia como maior sugestão ou única opção. Tempo que não perdeu a TV Bahia, ao exibir apenas 19 segundos de imagem representativos dos melhores momentos dos primeiros 45 minutos de jogo.


Segundo tempo

No segundo tempo o jogo mudou e especialmente o Vitória substancialmente melhorou. e mesmo com o jogo tenha se mantido equilibrado, houve uma pequena e importante predominância do time rubro-negro a partir do meado do segundo tempo e que gerou como conseqüência, mais uma vitória rubro-negra fora de casa, agora derrotando o Atlético-PR pelo placar de 1 x 0 e assim, soma a quinta vitória consecutivas, fazendo uma campanha que reafirma e reforça o forte indicativo que o final do ano, é a data limite para o Esporte Clube Vitória abandonar o Campeonato Brasileiro da Série B de uma vez.

Com os resultados de triunfos do Vitória e do Criciúma por 2 x 1 em cima do Paraná, o quadro de classificação não se modifica em ordem ou números de diferença de pontos, com o Criciúma na ponta da tabela, seguido de perto pelo Vitória e os dois Américas.

E como o bola não têm descanso, o Esporte Clube Vitória depois de dois jogos atuando longe de Salvador, no próximo sábado, dia 28, terá a oportunidade de reencontrar seu torcedor, agora enfrentando o CRB, às 16h20 no Estádio Manoel Barradas em jogo que será válido pela décima terceira rodada do Brasileirão. Já o Atlético-PR, no mesmo dia, enfrenta o Guarani-SP, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

Em alguns momentos, confira todos os detalhes da partida e, logo após, o vídeo com os melhores momentos e toda movimentação pós-jogo de Atlético-PR x Vitória, partida que valeu pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, edição 2012.

futebolbahiano.com

São Paulo anuncia a contratação do volante Paulo Assunção


O São Paulo anunciou na manhã deste sábado a contratação do volante Paulo Assunção, ex-Atlético de Madri. Mais cedo, a equipe espanhola já havia divulgado por meio de seu site oficial a rescisão de contrato do jogador e a transferência para o clube do Morumbi. O vínculo firmado entre o São Paulo e Assunção terá duração de um ano. O atleta deve ser apresentado oficialmente na próxima semana.
De acordo com o comunicado do Atlético, Assunção, de 32 anos, ainda tinha um ano de contrato com o clube. Ambas as partes, no entanto, optaram por rescindir o acordo para que o jogador pudesse atuar no São Paulo, onde “seguirá demonstrando seu profissionalismo e sua qualidade humana”, segundo a nota.
Assunção começou a carreira  no Palmeiras e chegou ao Atlético em 2009, vindo do Porto. Na equipe espanhola, jogou 139 partidas, marcou um gol, conquistando duas vezes a Liga Europa e uma vez a Supercopa da Europa. “Volto ao Brasil com muita gana e muita vontade de mostrar meu futebol. Espero que tudo corra bem”, disse o volante ao site oficial de seu agora ex-clube.
Nessa sexta-feira, último dia da janela de transferências para jogadores vindos do exterior, o técnico tricolor Ney Franco havia revelado que o clube ainda estava atrás de dois reforços. Um deles seria o meia Dudu, do Dínamo de Kiev, cuja chegada acabou não sendo concretizada. O outro nome, Ney preferiu manter em sigilo.

gazetaesportiva.net

Lutando contra degola, Bahia contrata Caio

Foto: Fabio Castro/Agif
O Bahia demorou apenas algumas horas para definir quem substituirá o técnico Paulo Roberto Falcão, demitido na madrugada desta sexta-feira após a goleada de 4 a 0 para o Fluminense, no Engenhão. Trata-se de Caio Junior, que recentemente deixou o Al Jazira, dos Emirados Árabes.
Antes, no dia 20 de fevereiro, foi demitido do Grêmio depois de ficar menos de 50 dias no clube. Ele havia sido anunciado ao final do Campeonato Brasileiro de 2011.
No comando do time, somou quatro triunfos, um empate e três derrotas.
"O Grêmio tem bons jogadores, foi feito um esforço muito grande [para contratar], mas a equipe não está jogando aquilo que estamos esperando", afirmou o diretor executivo gremista, Paulo Pelaipe, na oportunidade.
O novo treinador tricolor inclusive já estará domingo em Pituaçu para acompanhar a partida com o Coritiba, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele chega ao Bahia com a missão de tirar o time da vice-lanterna da competição e da incômoda zona de rebaixamento.
Caio Junior, 47 anos, seguiu para os Emirados Árabes depois de passagens por Botafogo e Grêmio. Antes disso, no Brasil, ele já havia comandado diversos outros clubes, como Flamengo, Palmeiras, Goiás e Paraná Clube, onde ganhou destaque no cenário nacional.
Antes do Al-Jazira, clube pelo qual conquistou a Copa do Presidente 2012, o técnico brasileiro já havia tido outra experiência no futebol do Oriente Médio, ao comandar o Al-Gharrafa, do Qatar.
ecbahia.com

Série B: Vitória cai para o terceiro lugar

Três jogos deram seqüência a 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B nesta sexta-feira. O América-MG mesmo jogando no Estádio Independência, apenas empatou com o Guarani-SP pelo placar de 1 x 1, dando sinais que já não têm o desempenho das rodadas inicias. Até então, o América-MG, havia vencido todas as partidas dentro de casa.

Ainda assim, o time mineiro, agora com 26 pontos, provisoriamente ultrapassa o Esporte Clube Vitória, reassumindo à vice-liderança da competição. Fábio Júnior de pênalti marcou para o América-MG, enquanto o ex-rubro-negro, Schwenck, deixou tudo igual em uma falha completamente absurda do goleiro Meneca. O Guarani, com 12 pontos é o décimo quarto lugar.

Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul, o azulão aproveitou-se do saco de pancada, Grêmio Barueri, para aplicar uma goleada de 3 x 0. Com o resultado, o São Caetano chega a dez partidas de invencibilidade na competição e sobe para 22 pontos conquistados em 12 jogos e já o quinto lugar. O Grêmio Barueri é o vice-lanterna com apenas 6 pontos.

Sem vencer há três rodadas, o América-RN mesmo com dificuldade derrotou o Ipatinga por 2 x 1, chegou aos 23 pontos e se garantiu dentro do G4, na quarta posição sendo observado de perto pelo São Caetano. Já o Ipatinga, uma versão do Duque de Caxias do ano passado, segue na lanterna com 4 pontos. A rodada será complementada neste sábado, com outros cincos jogos e com destaques para os confrontos entre Atlético-PR e Vitória e Criciúma encarando o Paraná Clube, em Santa Catarina.

futebolbahiano.com

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Vasco deve anunciar saída de Diego Souza nesta sexta-feira


O alívio de manter seu camisa 10, ao que parece, foi passageiro. Nesta sexta-feira deve ser finalmente selada a transferência deDiego Souza para o Al Ittihad. Embora o jogador tenha decretado na semana passada o encerramento das negociações, o clube saudita voltou à carga com uma proposta financeiramente superior. Diego Souza já tem passagem marcada para segunda-feira rumo à Arábia.
diego souza vasco são paulo (Foto: Marcelo Sadio / Site Oficial do Vasco)
Já existe um acordo entre os agentes do jogador e a Traffic, dona da maior parte dos direitos econômicos, para dar uma resposta positiva à oferta. Falta apenas a aceitação do Vasco.

Uma reunião em São Januário entre representantes da Traffic e dirigentes cruz-maltinos, que começou no início da tarde desta sexta-feira, deve decretar a transferência. Assim, a tendência é que Diego Souza sequer enfrente o Santos neste sábado, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O presidente Roberto Dinamite atualmente se encontra em Brasília e tem volta prevista ao Rio de Janeiro ainda para esta sexta-feira. Por isso, pode ser que a decisão sobre o futuro de Diego Souza seja anunciada ao longo da tarde ou à noite.

O Vasco terá direito a 33% do valor da negociação de Diego Souza com o Al Ittihad, proporcional à fatia dos direitos econômicos que detém. Caso o jogador permaneça em São Januário, o clube terá de pagar em setembro R$ 2,5 milhões, referentes a 20% dos direitos do atleta.

Diego Souza participou de nove dos dez jogos do Vasco neste Campeonato Brasileiro. Marcou três gols e deu uma assistência.
globoesporte.com

Confirmado: Falcão é demitido do Bahia

Na noite desta quinta-feira (20), em virtude de preservar e se preocupar com o Esporte Clube Bahia, o técnico Paulo Roberto Falcão, em decisão conjunta com o presidente Marcelo Guimarães Filho, entenderam que não deveria continuar com o trabalho à frente da equipe.


O Esporte Clube Bahia agradece ao treinador pelos serviços prestados à instituição, como o título de campeão baiano de 2012, glória que o tricolor não conseguia há 11 anos. O tricolor se sente orgulhoso do trabalho desenvolvido pelo técnico e deseja felicidades ao seguimento da sua carreira.

Nesta sexta-feira (21), à tarde, Falcão concederá uma entrevista coletiva na sala de imprensa do Fazendão.

Na partida do próximo domingo (22), contra o Coritiba, a equipe será comandada pelo auxiliar técnico Eduardo Barroca.A diretoria do Esquadrão agora busca um novo técnico para comandar a equipe no Campeonato Brasileiro e na Copa Sul-Americana.

futebolbahiano.com

Neto Baiano em clima de despedida

O atacante Neto Baiano praticamente está fora do Vitória. Hoje na TV Bahia o jogador fala quase como ex-jogador do clube e até marca data para o retorno a Esporte Clube Vitória, segundo ele, quanto o Bahia estiver disputando o Brasileiro da Série C

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Bahia perde e é vice-lanterna da Série A

 O Bahia surpreendeu hoje à noite no Engenhão quando jogando contra o poderoso Fluminense e praticando um futebol bem razoável, encerrou o primeiro tempo com um empate que não estava na contabilidade do mais fervoroso tricolor pela má fase que vivencia o tricolor, nesta altura do Brasileiro 2013, inclusive, desperdiçando a maior oportunidade de gol até então, através de Kléberson, em um tempo de jogo igual, sem superioridade de ninguém, produzindo a breve sensação que seria possível sair do Rio de Janeiro, somando algum ponto ou sem passar vergonha. Mas não deu.

Veio o segundo tempo, e logo aos primeiro minutos, pênalti para o Fluminense. Wellington Nem é lançado na área, divide e se esbarra com o goleiro Marcelo Lomba e o árbitro Fabrício Neves Correa, vê falta no lance e dá cartão amarelo para o goleiro e a história do jogo foi definida neste pênalti duvidoso.

A partir daí, acabou-se a ilusão projetada no primeiro tempo e o Bahia como sempre, sem força e poder de ataque foi apenas aceitando a sucessão de gols do time carioca que ao final, transformou-se na maior goleada sofrida pelo Bahia no atual e sofrido campeonato brasileiro. Fred duas vezes, ambas de pênaltis, Tiago Neves e Wallace marcaram os gols da partida.

O Bahia entrou na rodada na décima oitava posição e com a nova derrota, caiu para a vice-lanterna da competição, sendo ultrapassado pelo Palmeiras que empatou em 1 x 1 contra o Coritiba. Situação que sem dúvida aumenta o grau de aflição do torcedor tricolor a partir de agora.

Na continuidade do campeonato, o Esporte Clube Bahia agora volta ao Estádio Metropolitano de Pituaçu desta vez para enfrentar Coritiba, jogo que vale pontos duplos considerando a luta pelo rebaixamento, o jogo acontece às 16h do próximo Domingo. Já o Fluminense, no mesmo dia, vai até a Campinas para enfrentar a Ponte Preta defendendo a terceira posição na tabela de pontuação mantida nesta rodada.

Em alguns momentos, confira todos os detalhes da partida e, logo após, o vídeo com os melhores momentos e toda movimentação pós-jogo de Fluminense 4 x 0 Bahia partida que valeu pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, edição 2012.

futebolbahiano.com

Atlético-PR x Vitória: Leão completo

A viagem de Arapíraca (AL) a Salvador, via Linha Verde, e em ônibus especial, durou cinco horas. Cansados, os heróis rubro-negros foram liberados pela Comissão Técnica, mas as 17 horas, como combinado, 19 dos 20 que viajaram para o jogo contra o ASA, na terça-feira, estavam na academia Pedreira Aquática, na Pituba.


Somente o meia Pedro Ken, com uma pancada na perna, ficou em tratamento no departamento médico no Centro de Treinamento Manoel Pontes Tanajura. O volante Uelliton, que sofreu um trauma no tornzoelo, também esteve na academia. “Não inchou, mas dói um pouco”, resumiu.

Nada que preocupe para o jogo contra o Atlético PR, sábado, às 16h20, no Gigante do Itiberê, em Paranaguá (PR). Como também não preocupa o problema do meia Pedro Ken, eleito pela imprensa o destaque da vitória por 3 a 2 diante do ASA, em Arapiraca.

Com o professor Júlio Pedreira no comando, os jogadores foram submetidos a uma sessão de hidroginástica na academia Pedreira Aquática. O clima foi descontraído. Com o time na vice-liderança após 11 rodadas do primeiro turno do Brasileiro da Série B, o Vitória está na rota da Série. Vai sábado enfrentar o Atlético PR e terá à disposição de Carpegiani dois jogadores.

O goleador do Brasil, Neto (37 gols), que se reuniu à tarde com os dirigentes e seu empresário e o Vitória insiste em não liberar o jogador. Livre da suspensão do terceiro cartão amarelo, ele pode reassumir a camisa 9. O volante Rodrigo Mancha, recuperado de uma virose, que o impediu de viajar para Arapiraca, também entra nos planos do técnico.

Nesta quinta-feira, o time treina às 15 no CT Manoel Pontes Tanajura. Carpegiani em seguida relaciona o grupo para seguir na sexta-feira, às 9 horas, para Curitiba. À tarde, vai treinar no CT do Coritiba.

futebolbahiano.com

Thiago Silva pede desculpas à torcida do Milan e diz: ‘Não foi minha culpa’


O zagueiro Thiago Silva deu a primeira entrevista como jogador do Paris Saint-Germain. Nesta quinta-feira, em St. Albans, na Inglaterra, onde a seleção brasileira para os Jogos Olímpicos, o defensor afirmou que não tinha a intenção de deixar o Milan – o contrato havia sido renovado até 2017. O jogador pediu desculpas para a torcida rossonera e fez questão de se defender das acusações de que é “mercenário”.
Thiago Silva foi negociado por € 41 milhões (R$ 102 milhões). Chateado com a saída do Milan, o jogador, de 27 anos, respondeu à questão em tom de desabafo.
- É a minha primeira entrevista como atleta do PSG. Fico feliz com a transferência, mas triste com a minha saída do Milan. Vivi emoções fortes ali dentro. É um clube que se dedica aos jogadores, ao grupo... Devo tudo a eles. Não foi 100% da minha decisão porque eu tinha até renovado. As pessoas falam que eu sou mercenário, mas não estou saindo para ganhar mais do que ganharia no Milan. Quero dizer que a culpa não é minha e peço desculpas ao torcedor do Milan. Mas é página virada e espero fazer história no Paris.
thiago silva brasil coletiva (Foto: Mowa Press)
Questionado de forma mais veemente sobre a saída do Milan, que aconteceu uma semana após coletiva para anunciar sua permanência na Itália, Thiago Silva preferiu não entrar em detalhes. Mas deixou a entender que os valores oferecidos pelo PSG ao time rossonero inviabilizaram a sua permanência e que a transferência foi praticamente imposta pelos italianos.
- Para as pessoas que estão de fora e entendem um pouco de futebol sabem que um pingo é letra. Foi uma situação complicada para mim. A vontade minha e dos meus familiares era não sair do Milan. O Leonardo (diretor esportivo) e o Ancelotti (Carlo, treinador do PSG) me ligaram. (O Léo) É um cara que eu tenho um carinho grande, confio muito. O que me fez mudar de clube, não 100%, foi o projeto. Como o Ibrahaimovic disse: o time que está sendo formado é dos sonhos.
Nesta quinta-feira, ao lado da delegação da seleção brasileira, Thiago Silva vai seguir para Middlesbrough, local do confronto diante da Grã-Bretanha. O grupo retorna ainda na sexta-feira e segue a preparação para a estreia nos Jogos de Londres, em St. Albans, que fica a 50km de Londres.
globoesporte.com

Com autoridade, Corinthians vence Flamengo por 3 a 0 no Engenhão


AFPComandado por Douglas, autor de dois gols, o Corinthians não teve dificuldade em vencer por 3 a 0 o Flamengo, no Engenhão, nesta quarta-feira. Os paulistas foram superiores durante os 90 minutos e aproveitaram as falhas rubro-negras, chegando a 11 pontos, na 13ª colocação. Já os cariocas seguem com 15, em décimo.
No primeiro tempo, os corintianos dominaram as ações e abriram 2 a 0 com dois gols de Douglas, aproveitando falhas de jogadores do Flamengo. No primeiro, o meia roubou a bola de Bottinelli, penetrou na área e tocou na saída de Paulo Victor.
No segundo, Renato Abreu deu de calcanhar errado e o camisa 15 acertou chute forte da entrada da área. Na etapa final, Douglas tocou para Danilo, que acertou bela finalização para dar números finais ao duelo. Os visitantes poderiam ter ampliado o placar caso Emerson não tivesse desperdiçado um pênalti.
Pelo lado do Flamengo, somente o goleiro Paulo Victor pode ser considerado um destaque, pois impediu uma goleada histórica. A torcida rubro-negra não perdoou e hostilizou muito o técnico Joel Santana durante a partida. Bottinelli e Renato Abreu foram outros que vaiados pelos presentes no Engenhão.
gazetaesportiva.net

Bahia tenta repetir feito contra o Flu

Se na história dos confrontos pelo Brasileiro entre Bahia e Fluminense, o time carioca leva vantagem, o Esquadrão pode se orgulhar de ter vencido os dois últimos encontros, já que na Série de 2011, o Tricolor baiano ganhou no Engenhão por 1 x 0 e por 3 x 0 em Pituaçu.


Pelo Brasileiro, as duas equipes já se enfrentaram 34 vezes, com 08 vitórias do Esquadrão de Aço, 11 empates e 15 derrotas. O tricolor baiano marcou 30 gols e sofreu 40.

No primeiro jogo de 2011, no Rio de Janeiro, o Esquadrão de Aço venceu o Tricolor carioca por 1 x 0, jogando no Engenhão. Este resultado quebrou um tabu de 21 anos.

Em fevereiro de 1989, Bahia e Fluminense travaram um grande duelo na Fonte Nova, em partida válida pelas semifinais do Brasileiro de 1988. Naquele jogo, o Bahia venceu por 2 x 1, com o maior público registrado na história do futebol baiano, com mais de 110 mil pagantes. Esta partida é considerada uma das mais importantes da história deste confronto.

A última derrota do Bahia para o Fluminense foi no Brasileiro de 2003, com um triunfo carioca por 1 x 0, no Maracanã. Isso quer dizer que o Esquadrão de Aço defende uma invencibilidade de 09 anos contra o time das Laranjeiras.

Em 2007, as duas equipes se enfrentaram pelas oitavas de final da Copa do Brasil, com dois empates, 1 x 1 no Rio e 2 x 2 em Salvador.

futebolbahiano.com

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Um conto chinês: a novela que levou Obina de volta ao Palmeiras


Apresentação Obina no Palmeiras (Foto: Diego Ribeiro / Globoesporte.com)
Foram mais de seis meses de negociações até que o Shandong Luneng, da China, aceitasse emprestar Obina ao Palmeiras até o fim de 2012. A apresentação do atacante, na última terça-feira, foi o final feliz de uma novela que teve uma série de reviravoltas. Depois de muitos desencontros, os clubes iniciaram um relacionamento dos mais amigáveis. O vice-presidente Roberto Frizzo, o presidente Arnaldo Tirone e o gerente de futebol César Sampaio participaram das conversas em diferentes momentos durante o ano.
O primeiro problema, claro, foi a comunicação. Os empresários de Obina fizeram o papel de intermediários entre os clubes, que usaram o inglês para se entender. O mandarim, língua oficial da China, sequer foi cogitado. A cultura e o mercado chinês, bem mais fechados que no Brasil, também dificultaram.
- Queríamos o Obina já em dezembro, mas os chineses são muito rígidos com essa coisa do contrato. O negócio foi levar na conversa, sabíamos que podia demorar, mas no fim conseguimos convencê-los de que seria uma boa nos emprestar o Obina - afirmou o vice-presidente Roberto Frizzo.
O Palmeiras manteve contato com os agentes do jogador nos últimos meses, procurando saber a disposição do Shandong Luneng em liberar Obina. O sinal verde só foi dado há um mês, quando o clube começou a correr para finalizar a operação. A diferença de fuso horário foi mais um fator de dificuldade. As 11 horas de diferença entre São Paulo e Jinan, na China, limitaram demais o tempo de atuação da cúpula palmeirense.
- Quando eles acordavam, estávamos indo dormir, e vice-versa. Então perdemos algumas horas de sono para acertar a transferência – brincou Frizzo.
Depois dos papéis trocados, mais um entrevero: intermediários do negócio queriam receber comissões diferentes das combinadas anteriormente, e a chegada de Obina ficou ameaçada. O assunto só foi resolvido depois que o técnico Luiz Felipe Scolari reclamou da demora para a regularização do jogador, sem citar o problema das comissões. Um dia depois, o atacante assinou contrato e ficou à disposição do comandante.
Treinando desde a semana passada, Obina também mostrou alívio com o acerto. Na China, ele teve as mesmas dificuldades encontradas pelos dirigentes no Brasil.
- Aprendi pouquíssimo do idioma deles, o mandarim é muito difícil. Aos poucos me encaixei e entendi algumas coisas. A cultura é totalmente diferente, mas o futebol de lá está contratando bons jogadores e treinadores, está crescendo demais.
Obina tem contrato com o Shandong Luneng até o fim de 2013. Ao fim do empréstimo ao Verdão, os chineses só aceitam negociar o jogador de forma definitiva, para recuperarem pelo menos parte do investimento feito no início de 2011, quando contrataram o jogador do Atlético-MG. O preço está fixado em US$ 1 milhão (cerca de R$ 2 milhões).
globoesporte.com

Com liderança na mira, São Paulo e Vasco jogam por embalo no Morumbi



São Paulo e Vasco ainda não ostentam campanhas firmes no Campeonato Brasileiro, mas contam com um desempenho que lhes permitem sonhar com a liderança. E o objetivo passa pelo confronto entre ambos às 21h50 (de Brasília) desta quarta-feira, no Morumbi, quando os dois têm a chance de arrancar rumo à ponta.

Quem está mais perto são os cariocas. Com 20 pontos, a equipe de São Januário inicia a rodada em segundo lugar e, se vencer, pode roubar a primeira colocação do Atlético-MG, que tem dois pontos a menos. O Tricolor ainda precisa ir mais longe, já que não está nem na zona de classificação para a Libertadores: ocupa a quinta posição com os mesmos 16 pontos do Botafogo, atrás por ter saldo de gols menor.

Os anfitriões, porém, têm como trunfo exatamente o fator casa. O time conquistou todos os 12 pontos que disputou como mandante, e só sofreu um gol nos quatro jogos que realizou no Morumbi. E será a estreia do técnico Ney Franco e do zagueiro Rafael Toloi após decepcionarem no empate com o Palmeiras no domingo, na Arena Barueri – a equipe teve má atuação e o defensor cometeu pênalti defendido por Denis.

O foco, entretanto, está no complicado duelo desta quarta-feira, considerado confronto direto pela parte de cima da tabela. “O Vasco vem fazendo boas partidas, está lá em cima da tabela. Temos que tomar cuidado. Vamos estudar os pontos fortes da equipe deles para entrar em campo e anular os pontos positivos deles”, disse Denis.



Para anular as vantagens vascaínas, a aposta deve ser a troca simples de Rodrigo Caio por Denilson, que cumpre suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo, já que Ney Franco mal treinou a equipe. Os outros desfalques seguem sendo Bruno Uvini e Lucas, que estão com a Seleção Olímpica, e os machucados Cañete, Fabrício, Wellington e Rogério Ceni - este último pode voltar no domingo, contra o Figueirense.



A ordem é se recuperar após empatar mesmo com um a mais desde o início do segundo tempo contra o Palmeiras. “É um jogo chave, não podemos pensar em perder, ainda mais em casa contra um time que está na nossa frente. É um jogo difícil, contra um time que marca muito, mas tenho certeza de que teremos estádio cheio. O Vasco é um adversário bom para jogar e a vitória será importante para colarmos nos líderes”, falou Rhodolfo.

Já o Vasco, ciente de que a partida desta quarta-feira reserva fortes emoções para os dois lados, por conta da qualidade dos times e por se tratar de um clássico do futebol brasileiro, Cristóvão Borges, técnico do time carioca, não quer ver o elenco preocupado em assumir a liderança.

“Nossa preocupação neste momento é somar o máximo de pontos que conseguirmos, pois o Brasileiro está em uma fase para se fazer gordura em brigar em boas condições lá na frente. Nossa meta não é alcançar o primeiro lugar na rodada que vem, e sim ganhar do grande time do São Paulo para continuarmos no pelotão de frente”, analisou Cristóvão.




O treinador minimiza o fato de que sua equipe, em caso de vitória, vai assumir a ponta da tabela de classificação caso o Atlético-MG seja derrotado, no mesmo dia, pelo Internacional. Na visão dos jogadores vascaínos, é necessário encontrar a melhor estratégia para neutralizar os pontos fortes do rival.



“O São Paulo é muito forte no Morumbi, ainda mais por que a torcida joga junto. Temos que buscar um grande jogo se quisermos alcançar o resultado positivo, jogar de igual para igual, sem nos fecharmos na defesa e procurando o gol a todo o momento. Além disso, precisamos impor o nosso ritmo de jogo. Se deixarmos eles controlarem as ações, a partida vai se tornar ainda mais perigosa”, afirmou o goleiro Fernando Prass.

Para este jogo, o lateral direito Fagner, livre de dores no tornozelo direito, reaparece na vaga de Max, que volta a ser opção no banco de reservas. Em compensação, o meia Felipe, que foi advertido com o terceiro cartão amarelo diante dos goianos, cede seu lugar a Carlos Alberto. Por questões burocráticas, o zagueiro Renato Silva, o volante Fellipe Bastos e o atacante Eder Luis continuam desfalcando o Cruz-maltino.

gazetaesportiva.net

terça-feira, 17 de julho de 2012

Vitória sofre, mas vence o ASA por 3 x 2

Não têm pra ninguém é o Esporte Clube Vitória, desconsiderando terreno alheio, derrotando seus adversários, somando pontos dentro e fora de casa, readquirindo, de vez, o respeito, reafirmando o antecipado favoritismo para caminhar de forma firme e forte em direção da conquista do acesso para o Brasileiro da Série A, ao final do ano.



Depois da derrota roubada contra o Goiás, no Serra Dourada, o time despertou de vez e com o triunfo hoje à noite, no Estádio Coaracy Fonseca, em Arapiraca, em cima do ASA por 3 x 2, acumulou o seu quarto triunfo consecutivo, removendo os últimos resquícios de desconfiança da torcida rubro-negra, a despeito de ter levado dois gols quando mandava e desmandava em partida que se apresentava sem risco e tranquila. Marquinhos, Nino Paraíba e Victor Ramos marcaram para o Leão, enquanto Lúcio Maranhão e Roberto Jacaré marcaram para o ASA.

Com o triunfo, o Esporte Clube Vitória chega aos 25 pontos e empata com o Criciúma em pontos e números vitória (8x8), no entanto, o Leão continua na vice-liderança com o Criciúma ainda na ponta da competição, amparado pelo critério de desempate através dos gols marcados (16x14).

Agora o Leão precisa torcer por uma derrota dos catarinenses que enfrentam, em poucos minutos, o ABC, no Estádio Frasqueirão e para que o América-MG não faça saldo de três gols contra o Guaratinguetá, jogo que acontece também essa noite.

Na sequência do campeonato, o Esporte Clube Vitória continua longe da sua torcida. O time enfrenta no próximo sábado (21), fazendo o clássico de rubro-negros, o Atlético-PR, no Estádio Gigante do Itiberê, Paranaguá, no Paraná, em partida agendada para acontecer às 16h20. No mesmo dia e horário, o ASA vai até o Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, para encarar o Ceará.

Em alguns momentos, confira todos os detalhes da partida e, logo após, o vídeo com os melhores momentos e toda movimentação pós-jogo de ASA 2 x 3 Vitória, partida que valeu pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, edição 2012.

Pensando na liderança, Vitória visita o ameaçado ASA-AL


Pela 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Vitória vai a Arapiraca (AL) enfrentar a equipe do ASA-AL, de olho na liderança da competição. O confronto acontece às 19h30 (de Brasília) desta terça-feira, no Estádio Municipal Coaracy da Mata Fonseca.
Com 22 pontos, os baianos alcançaram a vice-liderança da competição após vencerem o Paraná Clube por 4 a 3 na última rodada, e agora precisam da vitória contra os alagoanos e de um tropeço do líder Criciúma para assumirem a primeira colocação da Segundona.
Os donos da casa, no entanto, estão em situação oposta: lutam para se distanciar da zona de rebaixamento, que está a apenas um ponto de distância. Com 10 pontos conquistados em 10 partidas, os alvinegros entram em campo nesta terça após um tropeço frente ao Guaratinguetá, por 2 a 1.
O técnico Paulo César Carpegiani terá que lidar com uma ausência importante para o confronto: o atacante Neto Baiano, que não poderá entrar em campo, pois cumpre suspensão. Para o lugar do artilheiro, que já marcou seis gols nesta Série B, o treinador pretende escalar Marcelo Nicácio, que faria então sua estreia com a camisa rubro-negra, mas que ainda depende da regularização de seus documentos junto à CBF.
Outro jogador que tem a sua estreia confirmada será o lateral esquerdo Dener, que substituirá Mansur, contundido. Recuperado de uma virose, Marquinhos ocupará a vaga de Marcos Aurélio. Já o lateral direito Nino Paraíba, liberado pelo departamento médico, voltou a ser relacionado, mas não deve entrar entre os titulares.
Do lado alvinegro da disputa, o técnico Heriberto Cunha também terá que fazer muitas alterações em relação à formação que entrou em campo contra os paulistas. O zagueiro Audálio, o volante Jorginho e o meia Didira receberam o terceiro cartão amarelo e cumprem suspensão automática. Em contrapartida, Cunha terá o retorno do volante Cal, que cumpriu suspensão na última rodada, e do meia Valdívia.
FICHA TÉCNICA
ASA-AL X VITÓRIA

Local: Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL)
Data: 17 de julho de 2012, terça-feira Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios e Victor Oliveira Cruz

ASA: Gilson; Edson (André Nunes), Gaúcho e Fabiano Pereira; Maicon, Cal, Valdívia, Danilo Cruz, Roberto Jacaré e Chiquinho Baiano; Lúcio Maranhão
Técnico: Heriberto da Cunha

VITÓRIA: Douglas; Léo, Victor Ramos, Gabriel Paulista e Dener; Uelliton, Michel, Pedro Ken e Tartá; Marquinhos e Willian (Marcelo Nicácio)
Técnico: Paulo César Carpegiani

gazetaesportiva.net

Weidman, sobre Spider: 'Espero que o UFC faça ele me enfrentar, e logo'


Em janeiro, Chris Weidman venceu Demian Maia e passou a figurar entre os principais nomes do peso-médio do UFC. Sem a chance de poder enfrentar os dois lutadores com mais destaque, Anderson Silva e Chael Sonnen, que já estavam com luta marcada, veio a oportunidade de encarar Mark Muñoz. Weidman era o azarão, mas derrotou o rival de forma avassaladora, no segundo round, no último dia 11. A ascensão já o coloca na rota de colisão com o campeão e, de acordo com o americano, o Ultimate trabalha nos bastidores para que essa luta aconteça.
- Sou um grande fã do Anderson Silva, acho que ele é o maior lutador da história do MMA, e eu disse isso respeitosamente a ele no Twitter. Meu manager esteve falando com o Joe Silva e aparentemente eles querem mesmo que eu enfrente o Anderson. Mas a questão é se o Anderson vai querer me enfrentar e em quanto tempo ele vai estar pronto para lutar de novo. Anderson Silva está ganhando tanto dinheiro no Brasil neste momento que está curtindo. Não sei se está muito interessado em pular no ringue com um cara jovem, faminto. É um confronto ruim no papel, porque meu nome não é como o do Chael Sonnen ainda. Eu entendo tudo isso que está acontecendo. Espero que o UFC faça ele me enfrentar, e logo - disse Weidman à rádio do site "MMA Fighting".
Entretanto, Chris Weidman (9-0) talvez não seja o principal candidato a próximo rival de Anderson Silva. Neste sábado, no UFC 149, Hector Lombard (32-2-1-1NC), ex-campeão do Bellator, estreia no Ultimate. Por ser um lutador mais velho (34 anos) e que demandou grande esforço para ser contratado, talvez fure a fila com uma vitória convincente diante de Tim Boetsch.
- Posso ver isso (Lombard disputar o cinturão) e não ficaria chateado. Ele é mais velho, recebe mais dinheiro que eu, entendo que isso faz sentido de um ponto de vista promocional. O UFC acabou de tirá-lo do Bellator, e ele tem uma longa série invicta... Mas, não sei. Simplesmente acho que sou a melhor luta para o Anderson, tenho a melhor chance de vencê-lo. Não sei se isso é do interesse do Ultimate ou não, mas essa é minha opinião - analisou Weidman.

MONTAGEM - UFC HECTOR LOMBARD E TIM BOETSCH (Foto: Agência Getty Images)

Fato é que a luta entre Lombard e Boetsch de sábado vai clarear bastante o caminho que o UFC vai dar ao peso-médio. Enquanto a decisão não vem, Chris Weidman continua imaginando como seria o duelo com Anderson Silva, e até se vê vencendo o brasileiro antes mesmo do gongo final.
- Ganhei cinco lutas seguidas no UFC, estou invicto, sou jovem, toda vez que tive um treinamento completo, terminei a luta. Esta foi a primeira que saiu do primeiro round, ganhei de dois caras Top 5 em seguida, e acho que sou um pesadelo estilístico para Anderson Silva. E vi todos esses caras dizendo que queriam lutar com ele para ver como se sairiam, mas não estou aqui para isso, estou dizendo que vou lá para vencer Anderson Silva e finalizá-lo. Estou sendo completamente sincero, se eu for enfrentar Anderson Silva, vou finalizá-lo, e se eu apenas o vencesse, não estaria satisfeito, preciso finalizá-lo. Posso estar louco, mas realmente acredito nisso.
No sábado, o SPORTV.COM acompanha em Tempo Real todos os detalhes da luta entre Lombard e Boetsch, além da disputa do cinturão interino entre Renan Barão e Urijah Faber, que será o evento principal do UFC 149.

globoesporte.com

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Bahia 1 x 2 Francisco Carlos do Nascimento



Ao final do jogo de ontem, onde o Bahia foi derrotado pelo Flamengo por 2 x 1, o técnico Paulo Roberto Falcão era o exemplo vivo da indignação e, segundo as suas alegações, a derrota do Bahia para o Flamengo se deu, em parte, por conta do pênalti inexistente assinalado para o Flamengo pelo árbitro Francisco Carlos Nascimento, aos 25 minutos do segundo tempo e que, mais tarde, redundou como consequência na vitória do Flamengo de forma injusta e roubada. 

De primeiro momento, nunca se sabe com exatidão o que são choro e as desculpas esfarrapadas que justificam as derrotas, ou os fatos, no sentido real, como efetivamente aconteceram.

Observando o lance que foi determinante para o fracasso tricolor, agora com calma e longe do calor do pós-jogo, fica claro que a reclamação do técnico tricolor é completamente procedente. Não houve pênalti algum e a marcação se trata de mais um erro das dezenas que aconteceram a cada rodada do Campeonato Brasileiro, em todas as divisões, e que já foram incorporadas às reclamações recebidas pelo bispo da paróquia mais próxima, infelizmente. 


futebolbahiano.com

ASA x Vitória: Leão estréia o lateral Dener

O Vitória está hospedado no Hotel Siol Nascente, em Arapirtaca (AL) para jogar nesta terça-feira, dia 17, às 19h30, contra o ASA, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca. Depois de mais de seis horas de viagem de ônibus, a delegação chegou tranqüila e, nesta segunda-feira, o técnico Paulo César Carpegiani realiza o último treinamento no campo do Sesi, em Arapiraca.


As obas realizadas na BR provocaram lentidão no trânsito e, por isso, a delegação levou mais tempo que o previsto para chegar a Arapiraca. Além disso, o ônibus foi parado e um dos postos da Polícia Rodoviária Federal para conferir documentação, e em outro ponto para que fosse servido o lanche aos jogadores.

Na verdade, O Vitoria está pronto para o jogo contra o ASA de Arapiraca. O técnico concluiu os preparativos na manhã deste domingo, no campo 2 do CT Manoel Pontes Tanajura. Depois do treinamento tático, os 20 jogadortes relacionados para a viagem foram almoçaram na chácara Vidigal Guimarães, e às 13 horas, o ônibus leito deixou a concentração com destino a Arapiraca, via Linha Verde.

Carpegiani foi obrigado a substituir o volante Rodrigo Mancha, que não conseguiu se recuperar da virose, pelo meia Xuxa, para completar os 20 jogadores. Marcelo Nicácio foi incluído no grupo e ainda depende de ter seu nome publicado no BID-E (Boletim Informativo Diário-Eletrônico) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) para saber se tem condições de estrear.

Carpegiani ensaiou jogadas, posicionou o time para atacar e conter ols ataques, e ficou satisfeito com o desempenho dos atletas. Sobre a formação do time, ele ainda reflete.

Na defesa, os laterais foram escolhidos: Nino, na direita, retorna após ser poupado contra o Paraná Clube, porque sentiu dores musculares e como chovia no dia do jogo, Carpegiani preferiu não arriscar escalando o jogador.

Dener, recém-contratado ao Grêmio (RS), fará sua estreia na lateral-esquerda devido a contusão muscular Mansur, ocorrida no treinamento de quinta-feira.

No meio e no ataque, as dúvidas. Carpegiani não deve começar com Tartá, e dois jogadores disputam a posição: Eduardo Ramos e Leilson. Xuxa, incluído na delegação, passa a ser mais uma alternativa para o treinador, que tem poucas informações sobre o adversário. O substituto de Marco Aurélio, com lesão no músculo adutor da coxa esquerda, será Marquinho, que retorna após se recuperar de uma virose. Quanto ao camisa 9, Carpegiani analisa a melhor opção.

Para substuituir Neto (três cartões amarelos), o artilheiro do Brasil e responsável por 37 dos 90 gols do rubro-negro na temporada – é o ataque mais positivo – Carpegiani já testou Willian, Leilson e Marcelo Nicácio.

futebolbahiano.com

Santos envia representantes a Milão para comprar Robinho


Robinho Milan e Rafael do Santos (Foto: Editoria de arte / Globoesporte.com)
O plano santista para repatriar o atacante Robinho pela segunda vez é mais arrojado do que o da primeira oportunidade. Se em 2010 o acordo com o Manchester City foi fechado por empréstimo, agora o desejo é comprar o Rei das Pedaladas definitivamente. Para isso, o clube designou um membro do Comitê de Gestão e o vice-presidente Odílio Rodrigues para viajar a Milão neste início de semana e apresentar uma proposta para o Milan.
A inclusão do goleiro Rafael, alvo do clube rossonero, não é necessariamente uma condição para concretizar a negociação. Mas o Santos sabe que usando o titular da Seleção olímpica conseguirá amortizar o preço da compra. A diretoria do Peixe imagina que oferecendo o goleiro e mais 4 milhões de euros (aproximadamente R$ 10 milhões) seja possível acertar a volta de Robinho.
A amigos, o atacante do Milan diz que tem vontade de voltar para a Vila Belmiro, apesar de também ter uma proposta do Atlético-MG. A amizade com Ronaldinho Gaúcho e André (ex-Peixe), atacantes do Galo, não pesa tanto.
Se conseguir acertar a negociação com o Milan, o Santos não terá problemas para fechar os salários com o jogador. O clube, inclusive, já tem definidos parceiros que ajudarão no pagamento.
A compra se daria porque o Santos sabe que a equipe italiana reluta em liberar o atacante por empréstimo, embora o clube alvinegro tenha na manga uma proposta de aquisição temporária, mas com a possibilidade de compra no fim do contrato.
Além do acréscimo técnico que o reforço pode significar ao time, a atual diretoria tem o plano de explorar a marca Meninos da Vila em ações de marketing, juntando três gerações de garotos formados pelo clube: Victor Andrade, Neymar e Robinho.
globoesporte.com

Resultados da 9ª rodada e Classificação atualizada do campeonato brasileiro serie A




14/07 - 18h30
Corinthians-SP
2 x 1
Náutico-PE
14/07 - 18h30
Figueirense-SC
3 x 4
Atlético-MG
14/07 - 21h00
Ponte Preta-SP
4 x 1
Coritiba-PR
15/07 - 16h00
Cruzeiro-MG
1 x 3
Grêmio-RS
15/07 - 16h00
Bahia-BA
1 x 2
Flamengo-RJ
15/07 - 16h00
Botafogo-RJ
1 x 1
Fluminense-RJ
15/07 - 16h00
Internacional-RS
0 x 0
Santos-SP
15/07 - 18h30
Vasco da Gama-RJ
1 x 0
Atlético-GO
15/07 - 18h30
Sport-PE
2 x 1
Portuguesa-SP
15/07 - 18h30
Palmeiras-SP
1 x 1
São Paulo-SP

 Clube
PG
JG
VI
EM
DE
GP
GC
SG
%A
1
22
9
7
1
1
16
6
10
81.5
2
20
9
6
2
1
16
11
5
74.1
3
19
9
5
4
0
16
6
10
70.4
4
16
9
5
1
3
21
15
6
59.3
5
16
9
5
1
3
12
10
2
59.3
6
16
9
4
4
1
12
7
5
59.3
7
15
9
5
0
4
12
9
3
55.6
8
15
9
4
3
2
13
9
4
55.6
9
15
9
4
3
2
15
13
2
55.6
10
14
9
4
2
3
12
11
1
51.9
11
12
9
3
3
3
10
11
-1
44.4
12
10
9
3
1
5
10
17
-7
37.0
13
9
9
1
6
2
7
7
0
33.3
14
8
9
2
2
5
7
12
-5
29.6
15
8
9
2
2
5
6
12
-6
29.6
16
8
9
1
5
3
11
14
-3
29.6
17
7
9
2
1
6
14
20
-6
25.9
18
7
9
1
4
4
7
12
-5
25.9
19
6
9
1
3
5
8
11
-3
22.2
20
2
9
0
2
7
4
16
-12
7.4