PUBLICIDADE

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Kvitova se mostra otimista com recuperação e agradece apoio

Czech tennis player Petra Kvitova holds a statement for the media on December 23, 2016, in Prague. Two-time Wimbledon champion was injured on December  20, 2016 when a knife-wielding intruder attacked her at her home in Prostejov city. / AFP PHOTO / Michal Cizek 

Na última terça-feira, a tenista Petra Kvitova teve sua mão ferida por uma faca durante um assalto ao seu apartamento em Prostejov, na República Tcheca. A tenista sofreu cortes nos cinco dedos da mão esquerda, além de dois nervos, e teve que ser operada. Após os procedimentos médicos, a bicampeã de Wimbledon concedeu coletiva nesta sexta, e mostrou-se otimista.
“Fui capaz de mexer os meus dedos da mão esquerda, e isso foi o maior presente de Natal que eu poderia sonhar. Vou usar minha energia para focar na minha recuperação, e eu farei todo o possível para retornar ao esporte que eu amo o mais rápido possível”, declarou Petra.
O período de recuperação será longo. Apesar dos médicos declararem que a tcheca poderá voltar a jogar tênis, a atleta terá que ficar seis meses longe dos treinamentos, além de três meses sem poder carregar peso na mão esquerda. Mesmo com a situação delicada, Kvitova mostrou confiança de que seguirá em frente.
“Agradeço imensamente todos que estão aqui, todas as mensagens e apoio nesses últimos dias. O que aconteceu foi muito assustador, mas não me sinto como vítima. Não tenho pena de mim mesma e não quero olhar para trás”, completou a tenista.

Fonte:gazetaesportiva

Nenhum comentário:

Postar um comentário