GOVERNO DO ESTADO. BAHIA, AQUI É TRABALHO

quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Protesto na NBA: Milwaukee Bucks boicota jogo dos playoffs contra violência policial aos negros

Protesto na NBA: Milwaukee Bucks boicota jogo dos playoffs contra violência policial aos negros

A equipe do Milwaukee Bucks boicotou o quinto jogo da primeira ronda dos playoffs da NBA e não entrou em quadra. Em protesto contra a violência policial sobre negros nos Estados Unidos, a o time boicotou a partida contra o Orlando Magic que aconteceria na tarde desta quarta-feira (26).   

A informação foi divulgada primeiramente pelo jornalista Adrian Wojnarowski, repórter TV norte-americana ESPN. Segundo ele, o time do Bucks se recusou a deixar o recinto onde estão hospedados para realizar a partida. O Orlando Magic chegou a entrar em quadra para realizar o aquecimento, mas abandonou o local após o boicote do adversário.

O protesto do time veio após o ataque policial sofrido por Jacob Blake no último domingo (23). Na situação, o homem negro foi atacado com sete tiros estando de costas, desarmado e com a presença dos filhos. O cidadão está internado. O caso aconteceu na cidade de na cidade de Kenosha, em Wisconsin, mesmo estado onde o time de basquete tem sede. 

Desde o reinicio da temporada 2019/2020, a NBA vem sendo espado de protestos por atletas e equipes na causa “Black Lives Matter” após o assassinato do cidadão americano George Floyd, também negro e vítima da violência policial. 

A ESPN dos Estados Unidos também noticiou que existe a possibilidade de mais um jogo ser boicotado. O Toronto Raptors e Boston Celtics, que tem jogo marcado para esta quinta-feira (27), estariam cogitando não disputar a partida um válida pela semifinal da Conferência Leste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário