GOVERNO DO ESTADO. BAHIA, AQUI É TRABALHO

quinta-feira, 4 de março de 2021

Vettel se diz 'empolgado' durante apresentação de carro da Aston Martin

 

A Aston Martin apresentou nesta quarta-feira (3) o carro com o qual a equipe voltará ao grid da F1 depois de um hiato de 61 anos. O modelo AMR21, com cor verde escuro tradicional da marca, será pilotado pelo tetracampeão alemão Sebastian Vettel, 33, e pelo canadense Lance Stroll, 22.

Vettel chega ao novo time após seis temporadas consecutivas na Ferrari, escuderia pela qual não conseguiu nem chegar perto do o desempenho dos tempos de Red Bull, quando despontou na categoria e conquistou seus quatro títulos mundiais (2010, 2011, 2012 e 2013).

"É um novo começo, o começo de um novo capítulo para mim e também para a equipe, então têm muitas coisas que compartilhamos. É um projeto muito ambicioso", afirmou o alemão.

Parte desse projeto nasceu a partir da mudança do nome da equipe. Até 2020, a escuderia se chamava Racing Point, com uma pintura predominantemente na cor rosa. Após o dono do time, Lawrence Stroll, pai de Lance, comprar a Aston Martin, ele decidiu trazer de volta a marca que esteve na F1 nos anos de 1959 e 1960.

Além da nova pintura e de ter sido rebatizado, há poucas mudanças no modelo AMR21 em relação ao carro da última temporada. Isso porque o regulamento deste ano obriga as equipes a usarem o mesmo veículo de 2020, apenas com algumas poucas mudanças aerodinâmicas.

Desta forma, Vettel pilotará o modelo apelidado de Mercedes Rosa, por ser bastante semelhante ao W10 da Mercedes de 2019, devido a uma parceria entre as equipes para o compartilhamento de tecnologias.

Em 2020, esse foi um dos três carros (ao lado de Red Bull e Alpha Thauri) que conseguiu desafiar, justamente, o amplo domínio da equipe do heptacampeão Lewis Hamilton e obter uma vitória, no GP de Sakhir, vencido pelo mexicano Sérgio Perez -hoje no time da empresa de bebidas energéticas.

Esse desempenho chamou a atenção do tetracampeão. "Após visitar a fábrica, conhecer as lideranças, os engenheiros e os mecânicos, pude ver que realmente é um bom grupo. Acredito que, com tudo isso, vamos progredir juntos", disse. "Mesmo tendo guiado por quatro equipes e por muito tempo, começar uma nova temporada com uma nova equipe ainda me dá aquela sensação de empolgação."

Além da Ferrari e da Red Bull, Vettel também correu pela Toro Rosso e pela antiga Sauber. Ao todo, ele tem 257 GPs disputados, 53 vitórias, 57 poles, 121 pódios e quatro títulos mundiais.

A primeira experiência do alemão pela Aston Martin será na pré-temporada, marcada para Sakhir, entre os dias 12 e 14 de março. Duas semanas depois, no fim de semana do dia 28 de março e no mesmo circuito, o GP do Bahrein abre a temporada 2021.

Nenhum comentário:

Postar um comentário