sexta-feira, 27 de agosto de 2021

Petrúcio Ferreira bate recorde paralímpico e é ouro nos 100m T47

 


O atleta Petrúcio Ferreira, que foi porta-bandeira do Brasil na cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos, sagrou-se bicampeão paralímpico dos 100m da classe T47, para corredores com deficiências nos membros superiores, com direito a recorde: 10s53. A prova foi disputada na manhã desta sexta-feira (27), no horário de Brasília.

A presença brasileira no pódio é dupla: Washington Júnior, dono da melhor largada da prova, terminou com o bronze após fazer o tempo de 10s68. A prata ficou com o polonês Michal Derus, com 10s61. O terceiro brasileiro na final, Lucas Lima, terminou em sexto lugar com 11s14.

O ouro conquistado nesta sexta foi o quarto da carreira de Petrúcio. Além dos dois títulos, em Tóquio e na Rio 2016, nos 100m, ele também tem duas pratas conquistadas nos Jogos no Brasil: prata nos 400m T47 e no revezamento 4x100m T42-47.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

GOVERNO DO ESTADO. BAHIA, AQUI É TRABALHO