Publicidade

terça-feira, 5 de setembro de 2017

América do Sul terá rodada decisiva na luta por vagas na Copa do Mundo de 2018

Resultado de imagem para eliminatorias para copa 2018

Com apenas mais três partidas para cada seleções, a 16.ª e antepenúltima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, que será na Rússia, tem tudo para ser bem acirrada. No jogo das 17 horas (de Brasília), a Bolívia recebe o Chile, no estádio Hernando Siles, em La Paz - os chilenos precisam se recuperar, já que perderam em casa por 3 a 0 do Paraguai na última rodada.
A Seleção Brasileira enfrenta a segunda colocada Colômbia com 4 novidades em relação ao ultimo jogo: Tiago Silva assume a posição de titular no lugar do zagueiro Miranda, Felipe Luis ocupa a lateral esquerda do suspenso Marcelo. Fernandinho chega como volante no lugar de Cassemiro e Firmino formará dupla de ataque com Neymar no lugar de Gabriel.
Um pouco mais tarde, às 18 horas, o Equador recebe o Peru, estádio Olímpico Atahualpa, em Quito. A Argentina, do técnico Jorge Sampaoli, recebe a lanterna Venezuela, às 20h30, no estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, e terá a volta do volante Mascherano. Do meio de campo para a frente, Messi, Dybala e Icardi devem continuar formando o trio ofensivo.
Por fim, às 21 horas, no estádio Defensores del Chaco, em Assunção, o Paraguai recebe o Uruguai e o técnico Francisco Arce poderá começar a partida com o atacante Angel Romero, do Corinthians, como titular.
A três rodadas do fim da fase classificatória para o Mundial, o Chile tem 23 pontos e ocupa o quarto lugar na tabela de classificação. O selecionado chileno tem o mesmo número de pontos da Argentina, mas leva vantagem nos critérios de desempate. Desta forma, ganharia a vaga para a Copa diretamente, sem a necessidade de disputar uma repescagem contra um representante da Oceania. O Brasil segue na liderança disparada das Eliminatórias com 36 pontos. A Colômbia tem 25 e o Uruguai, 24.

Nenhum comentário:

Postar um comentário