quarta-feira, 1 de setembro de 2021

Justiça aceita pedido do Vasco e suspende execução da dívida de quase R$ 100 milhões

 


O Vasco ganhou uma boa notícia nesta quarta-feira (1º). A presidente do Tribunal Regional do Trabalho da Primeira Região (TRT-1), Edith Maria Correa Tourinho, acatou o pedido do clube e suspendeu o Regime Especial de Execução Forçada (REEF) que determinava o pagamento de R$ 93,5 milhões em dívidas trabalhistas (lembre aqui). A informação foi publicada pelo site Esporte News Mundo.

 

Na nova decisão desta quarta, o clube carioca tem direito ao Regime Centralizado de Execuções (RCE), uma possibilidade prevista na recente lei que institui clube-empresa no Brasil. Com isso, poderá centralizar as cobranças evitando penhoras individuais para pagar seus credores em até seis anos mediante repasse de 20% da receita mensal. Para isso, a agremiação precisa apresentar um plano de pagamento em 60 dias contados a partir do dia 23 de agosto e caberá ao TRT-1 conceder ou não


Nenhum comentário:

Postar um comentário

GOVERNO DO ESTADO. BAHIA, AQUI É TRABALHO