GOVERNO DO ESTADO. BAHIA, AQUI É TRABALHO

segunda-feira, 1 de junho de 2020

Tour do Fred: centroavante inicia maratona de 600 km e cinco dias para se apresentar ao Fluminense

Fred viajará por estradas de terra para evitar aglomeração — Foto: Divulgação / Instagram

Para quem achava que era só uma brincadeira, agora pode acreditar. Fred iniciou às 5h15 (de Brasília) da manhã desta segunda-feira o trajeto de bicicleta de Belo Horizonte rumo ao Rio de Janeiro, para se apresentar como novo reforço do Fluminense. O destino final é o CT Carlos Castilho, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade, mas até chegar será uma longa maratona. O percurso tem distância estimada de 600 km. O desafio será também uma ação solidária: o atacante doará uma cesta básica para cada quilômetro percorrido. Quem quiser contribuir com doações, pode CLICAR AQUI.
Devido à falta de segurança do trecho inicial, onde são cerca de 100 km sem acostamento na estrada, a saída de Fred e companhia de Belo Horizonte foi simbólica. Eles foram de carro até Congonhas e, de lá, começaram o tour.
De acordo com o site Google Maps, o trajeto Belo Horizonte-Barra da Tijuca equivale a 445 km e pouco mais de 24 horas ininterruptas de bicicleta. Mas Fred não fará o percurso por rodovias. Para evitar aglomeração em tempos de pandemia do coronavírus, todo o itinerário será feito por um caminho alternativo e mais longo, conhecido como Estrada Real. Tratam-se de rotas de terra construídas para atividade minerária na época do Brasil-Colônia.
Por isso, Fred projetou na Live de sua apresentação no Fluminense que serão cerca de 600 km e cinco dias de previsão para completar o trajeto. O centroavante viajará pedalando ao lado de Jefferson Souza, seu preparador físico particular, e vai acampar em barraca durante as noites do desafio. Haverá ainda dois carros batedores com um mecânico, um fisioterapeuta, um cinegrafista, e Francis Melo, empresário do jogador e idealizador do projeto. Eles levarão máscaras e álcool em gel na bagagem, seguindo as recomendações do Ministério da Saúde.
Além disso, a nutricionista do Fluminense, Renato Faro, participou da estruturação do projeto. Segundo Jefferson, eles estão preparados física e emocionalmente, além de auxiliados em alimentação, suplementação e hidratação.
– A gente está preparado para essa situação. É um desafio grande, mas a gente está treinando há quatro meses. Tem dois meses que nós estamos pedalando direto, de três a quatro vezes por semana, rodando em média de treinamento 200 km por semana. Psicologicamente a gente também está bem preparado. Acho que é um fator importante para esse desafio. É um desafio desgastante, onde a gente não conhece o caminho. Lógico que a gente vai ter uma estrutura para isso, mas a gente não conhece o caminho. A gente não sabe onde a gente vai poder fazer força, onde vai poder relaxar. Então é o tempo todo atento em relação a tudo – contou Jefferson ao GloboEsporte.com.

Fonte: globoesporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário