CÂMARA DE VEREADORES DE CAIRU

domingo, 29 de julho de 2018

José Aldo não esconde a emoção com nocaute no UFC: 'O campeão voltou!'

José Aldo não esconde a emoção com nocaute no UFC: 'O campeão voltou!'

Depois de duas derrotas no Ultimate Fighting Championship (UFC), o manauara José Aldo voltou a sentir o gosto da vitória no último sábado (28) ao nocautear o americano Jeremy Stephens ainda no primeiro round da luta, válida pelo UFC Calgary, no Canadá. Com o resultado garantido, o brasileiro não escondeu a sua emoção.

"Foi aqui que comecei minha carreira, estou voltando aqui para recomeçar. Estou tentando recomeçar, eu estava lutando em cima de uma coisa que não podia errar. Vim no fio da navalha, sabendo que não podia errar ou podia perder a luta. Mas acertei ali e consegui acabar. Acho que agora estou de volta, o campeão voltou! Mantendo o caminho aí, a gente chega. O Max Holloway está passando por problemas, ele é um grande campeão, espero que possa voltar, e que eu possa enfrentá-lo de novo ou quem for o campeão", declarou.

Derrotado em duas disputas de cinturão para Max Holloway em 2017, José Aldo não conseguia um nocaute técnico desde 2013. Naquele ano, ele bateu Chan Sung Jung, o Zumbi Coreano, no Rio de Janeiro.

Além de José Aldo contra Stephens, o card principal do UFC Calgary teve a vitória de Dustin Poirier sobre Eddie Alvarez por nocaute técnico aos 4m05s do R2; Joanna Jedrzjeczyk venceu Tecia Torres por decisão unânime (triplo 30-27) e Alex Hernandez venceu Olivier Aubin-Mercier por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28).

Nenhum comentário:

Postar um comentário