PUBLICIDADE

domingo, 19 de março de 2017

Um ano após grave lesão na cabeça, Owen volta com título na Gold Coast e vira nº 1


Um roteiro de cinema para coroar uma das histórias mais emocionantes do surfe mundial. Depois de quase perder a vida em uma vaca nos treinos para o Pipeline Masters de 2015, no Havaí, e ser diagnosticado com uma grave concussão na cabeça, Owen Wright retornou à elite com o título na etapa de abertura, na Gold Coast australiana. O australiano passou pelos momentos mais difíceis em um delicado processo de recuperação. Alguns cogitaram que ele jamais voltaria a surfar. Mas o atleta não desistiu, reaprendeu a surfar, tornou-se pai e veio renovado para o Circuito Mundial. Após desbancar Gabriel Medina na semifinal, Owen venceu uma final de reviravoltas contra o melhor amigo Matt Wilkinson, que defendia o título na etapa.
A disputa na Austrália foi a primeira de Owen na elite desde a queda em Pipeline, em dezembro de 2015. Se muitos duvidaram que ele voltaria a competir em alto nível, o australiano de New South Wales provou o contrário e foi além

Nenhum comentário:

Postar um comentário