GOVERNO DO ESTADO. BAHIA, AQUI É TRABALHO

domingo, 24 de outubro de 2021

É ouro! Rebeca Andrade confirma hegemonia nos saltos

 


Campeã olímpica nos saltos em agosto em Tóquio, a ginasta brasileira Rebeca Andrade também faturou o aparelho no Mundial, em final ocorrida neste sábado (23) em Kitakyushu, também no Japão. Foi a primeira conquista em mundiais da atleta de 22 anos.

Rebeca fez os dois melhores saltos da decisão – um Cheng (15,133 pontos) e um Yurchenko com dupla pirueta (14,800) – para ficar com uma média de 14,966 pontos. A brasileira ter quase um ponto de vantagem para a segunda colocada, a italiana Asia D’Amato, com 14,083. A russa Angelina Melnikova completou o pódio, com 13,966.

Por ser a atual campeã olímpica e ter feito os saltos mais difíceis na classificatória, a brasileira entrou na final do salto como favorita. Rebeca foi a única a saltar um Cheng, salto mais difícil executado em Kitakyushu.

Barras

Também neste sábado, Rebeca ficou com a prata, com nota 14,633, mesma nota que a chinesa Luo Rui, bronze em razão dos critérios de desempate. A também chinesa Wei Xiaoyuan venceu o aparelho, com nota 14,733. É a primeira vez que um(a) atleta brasileiro (a) conquista duas medalhas na Ginástica em um mesmo Mundial.


Nenhum comentário:

Postar um comentário