domingo, 25 de julho de 2021

Após parada cardíaca na Euro, Eriksen não poderá jogar pela Inter de Milão, diz médico

 

Após sofrer uma parada cardiorrespiratória na estreia da Eurocopa, o meia dinamarquês Christian Eriksen, que teve de instalar um desfibrilador, não poderá atuar pela Inter de Milão na Itália. Segundo um membro do comitê médico da Federação Italiana de Futebol (FIGC), isso só poderá acontecer caso o atleta retire o objeto do coração.

 

"Christian Eriksen não terá permissão para jogar na Itália. Se o jogador tiver o desfibrilador removido, e se houver confirmação que sua patologia possa ser resolvida, ele pode voltar a jogar pelo Inter", afirmou Francesco Braconaro, membro da FIGC.

 

As regras na Itália sobre esse tipo de caso costumam ser muito rígidas. Um exemplo citado pelo médico é o do zagueiro holandês Daley Blind, do Ajax, que tem um desfibrilador semelhante ao de Eriksen, mas não pode atuar na Série A italiana.

 

O contrato do dinamarquês com a Inter de Milão vai até 2024. De qualquer forma, ele ainda não disse se pretende encerrar sua carreira de jogador de futebol. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

GOVERNO DO ESTADO. BAHIA, AQUI É TRABALHO