Fibrolink Telecom

Fibrolink Telecom

segunda-feira, 13 de março de 2017

Nove brasileiros iniciam caminhada para retomar o título de campeão mundial no surfe

Medina é o veterano entre os brasileiros que vão tentar o título - Foto: WSL | Kirstin Scholtz | Divulgação

A temporada 2017 do Circuito Mundial de Surfe começa nesta segunda-feira, 13, às 18 horas (7 horas da manhã do dia seguinte na Austrália), na Gold Coast, quando nove brasileiros iniciam a caminhada na tentativa de trazer de volta o troféu de campeão para o País. Se em 2014 Gabriel Medina brilhou e em 2015 Adriano de Souza, o Mineirinho, conquistou sua taça, no ano passado o havaiano John John Florence tirou o Brasil do alto do pódio.
Serão 11 etapas no total, que somam pontos para o atleta durante a temporada. Os dois piores resultados são descartados, mas os brasileiros sabem que é muito importante começar bem a perna australiana do Circuito Mundial, ou seja, ter boa pontuação nos três primeiros eventos do ano: Gold Coast, Margaret River e Bells Beach. Para Gabriel Medina, é fundamental se sair bem logo de cara. "Estou bem animado, concentrado, preparado e pronto para ir bem", afirma.
A disputa tem tudo para ser equilibrada até porque alguns veteranos como Kelly Slater, 11 vezes campeão, e Mick Fanning, três, já avisaram que pretendem brigar até o final da temporada. No ano passado, por exemplo, ambos optaram por não disputar todas as etapas.
Entre os surfistas da nova geração, destaque ainda para o havaiano John John Florence, que vai em busca do bicampeonato. Ele é um dos favoritos ao título e deve ser um rival perigoso dos brasileiros. Além dele, é bom ficar de olho em Kolohe Andino, Jordy Smith, Julian Wilson e Owen Wright, que ficou mais de um ano em recuperação após bater a cabeça numa onda em Pipeline, em 2015.
Fonte:atarde

Nenhum comentário:

Postar um comentário