Publicidade

Publicidade

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Flamengo e São Paulo se enfrentam em tira-teima na final da Copinha

A Arena de Barueri, durante o temporal

Um temporal diluviano, inclusive com o risco danado dos raios perigosíssimos, impediu que se completasse na segunda-feira, dia 22 de Janeiro, a fase das semifinais da Copa São Paulo Junior de 2018, a edição de número 49 da competição. Aconteceu o prélio em que o Flamengo do Rio de Janeiro eliminou a Portuguesa de Desportos, 3 X 2. Mas se interrompeu aos quase 63’ o cotejo entre o São Paulo e o Internacional de Porto Alegre, 1 X 1.
Debaixo de um sol bem mais acolhedor, o jogo, realizado na Arena Barueri, cerca de 30km da capital, recomeçou nesta terça, dia 23, às 15h00, e terminou sem modificação no placar. Consequência, o bingo dos penais. A sucessão de cobranças se estendeu até os 6 X 5 do São Paulo.
O Flamengo e o São Paulo já subiram ao topo do pódio da Copinha, diminutivo simpático que lhe concedeu a mídia, em três ocasiões cada qual. Farão um tira-teima obviamente bem interessante.
O “Urubu” conquistou a taça, pela última vez, em 2016, quando sobrepujou o Corinthians, também nos penais, 3 X 0, depois de revolucionar a pugna, no tempo normal, de 0 X 2 a 2 X 2. A sua revelação, então, foi o aguerrido e sempre polêmico atacante Felipe Vizeu.
O “Tricolor” não arrebata o troféu desde 2010, quando eliminou o Santos, sim, nos penais, por 3 X 0, depois de uma igualdade, 1 X 1, nos minutos regulamentares. Os seus astros naquela disputa: o apelidado Marcelinho que se chamava Lucas e está no PSG da França, e o volante Casemiro, agora craque do Real Madrid e da seleção.
Curiosidade: o Estado bandeirante entrou na competição com 56 agremiações. Sobrou o São Paulo. O Estado dos cariocas entrou com bem menos times, apenas 8. A final da Copinha, tradicionalmente marcada para o dia 25 de Janeiro, data do aniversário de São Paulo, vai ocorrer, no Pacaembu, às 10h00, nesta quinta, feriado municipal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário