CÂMARA DE VEREADORES DE CAIRU

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Justiça suíça concede efeito suspensivo para Guerrero disputar Copa

Reprodução: Internet

Após várias tentativas, Paolo Guerrero finalmente conseguiu a liberação para defender a seleção do Peru na Copa do Mundo.
O atacante, que havia sido condenado pelo Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) a cumprir 14 meses de suspensão pelo caso de doping, encaminhou o caso para a Justiça Comum da Suiça, que concedeu ao jogador o efeito suspensivo na última instância.
O comunicado foi divulgado nesta quinta (31) pelo Tribunal Federal da Suíça (TFS), confirmando a liberação de Guerrero para disputar o Mundial na Rússia.
Efeito suspensivo requerido por Paolo Guerrero garantido pelo presidente da I Divisão Civil da Corte Federal garante a Apelação do jogador peruano de futebol Paolo Guerrero contra a decisão ainda não resolvida do Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), um efeito suspensivo super provisório. O aumento da punição do TAS de seis para 14 meses por quebrar o regulamento anti-doping da Fifa não tem, por ora, efeito. Como consequência, Paolo Guerrero estará presente na próxima Copa do Mundo da Fifa, que será na Rússia, de 14 de junho a 15 de julho de 2018
A seleção peruana tem até a próxima segunda-feira (4) para enviar a lista para a Fifa com os 23 jogadores inscritos para o Mundial. Há duas semanas Ricardo Gareca, técnico da seleção, divulgou uma lista com 24 nomes, sem incluir Guerrero, mas é possível que o atacante esteja entre os 35 nomes relacionados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário