Publicidade

GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

terça-feira, 20 de junho de 2017

Caravana do Futebol Feminino seleciona oito atletas na sua primeira parada


A terceira edição da Caravana de Futebol Feminino da Bahia começou, assim como as duas primeiras, com "pé direito". A primeira parada em 2017 foi um sucesso.
 
A equipe de coordenação, composta pelo técnico do São Francisco, Mário Augusto Filgueiras, e a ex-jogadora da Seleção Brasileira e treinadora Solange Bastos pegou a estrada no último dia 15 e desembarco em João Dourado. Os avaliadores permaneceram na cidade do Centro Norte do Estado até o último domingo (18).


Lá, Mário e Solange avaliaram cerca de 200 atletas durante uma competição de futebol feminino que reuniu equipes de diversos municípios e até outro estado. Garotas de 15 a 25 anos de cidades como América Dourada, Barra do Mendes, Barro Alto, Carfarnaum, Canarana, Central, Gentil do Ouro, Ibipeba, Ibititá, Ipupiara, Irecê, Itaguaçu da Bahia, Jussara, Lapão, Mulungu do Morro, Presidente Dutra, São Gabriel, Uibaí, Xique-Xique entre outras foram observadas.
 
Ao final, oito delas foram aprovadas. As volantes Leillane (25 anos), Gabriela (17 anos) e Enigma (25 anos); as meias Bruna (17 anos) e Geane (21 anos); as atacantes Dislane (21 anos) e Brisa (22 anos) e a lateral-direita Lorrane (16 anos).
 
As oito atletas se juntarão às aprovadas nas próximas etapas da Caravana e participarão de um sorteio para reforçar os clubes que disputarão o Baianão Feminino 2017, previsto para acontecer no segundo semestre do ano.


A avaliação em João Dourado foi marcada, também, por muita descontração. A competição foi vencida pela equipe de João Dourado, que bateu o Lusaca na final por 2 a 0. Na disputa do 3º lugar deu Iraquara, que derrotou o Gama-DF por 4 a 3.
 
Um dos momentos de maior destaque durante o evento foi a homenagem feita a Solange Bastos. A ex-zagueira da Seleção e ex-atleta olímpica foi convidada a entrar em campo e atuar por alguns minutos pelo time de Joao Dourado.
 
A observadora técnica da Caravana ficou em campo por cerca de 20 minutos, matou a saudade da bola e ainda surpreendeu a todos os presentes com sua técnica e forma física. A experiência foi tão boa para Solange que, segundo Mário Augusto, a amiga já não queria deixar o gramado.


"Na verdade, o combinado seria ela jogar apenas cinco minutos de surpresa. Seria uma homenagem a ela. As pessoas queriam vê-la em campo, tirar fotos. Quando já tinha oito minutos em capo, o treinador chamou ela para ser substituída. Solange não deixou, chegou a 20 minutos e ainda disse que queria jogar até o final da partida. Estou quase contratando essa zagueira. Jogou muito bem", contou o observador aos risos.
 
Promovida pela Federação Bahiana de Futebol em um projeto pioneiro em todo o país a Caravana do Futebol Feminino contou com o apoio, em sua primeira etapa de 2017, da prefeitura de João Dourado e de desportistas da cidade. A FBF divulgará em breve o local da segunda parada da Caravana.

Confira abaixo as atletas aprovadas:
Leillane Silva de Jesus (25 anos), volante do Litoral Camaçari
Bruna de Freitas (17 anos), meia do Litoral Camaçari
Geane Anjos de Aragão (21 anos), meia do Iraquara
Enigma Mendes de Souza (25 anos), volante do Central
Dislane Pereira de Santana (21 anos), atacante do Central
Lorrane Copque (16 anos), lateral-direita do ONG Periperi
Brisa Batista de Oliveira (22 anos), atacante do Barra do Mendes
Gabriela Oliveira Sousa (17 anos), volante do Iraquara

Nenhum comentário:

Postar um comentário